Minicontos

Servidão

Gostava mesmo era de quando a patroa saía. A casa inteirinha a seu dispor. Eis Maria, ligeirinha, esfregão, balde e vassoura; limpava, polia, tudo reluzente, em dois toques estava pronta. Então a patroa chegava:
– Já pronta, Maria?
– Do seu gosto, senhora – cama arrumada, assoalho encerado, mesa posta, comida quentinha no forno, banheiro num brilho, para que serve sua Maria senão para lhe agradar?





08/09/2010