artistasgauchos












Desenvolvido por:
msmidia

Literatura

O Fio Da Memória
Celso Sisto

DOYLE, Roddy. É a cara da mãe. Ilustrações de Freya Blackwood. Tradução de Rosa Amanda Strausz. Rio de Janeiro, Galerinha Record, 2009. 36p.


Nós só somos o que somos porque temos memória. Ela nos liga aos outros membros da família, aos lugares, ao nosso tempo, à nossa própria história. E as lembranças, vão costurando a memória, perfumando momentos e iluminando o que não pode ficar esquecido.

Este livro é a história de Siobhán, uma menina que perdeu a mãe aos três anos de idade. Sem irmãos, tios, primos ou avós, ela é criada só pelo pai, num confortável e atraente casarão. Ele cuidava muito bem da filha, mas era quieto e caladão. Nunca conversavam sobre a mãe, apesar de fazerem muitas coisas juntos, inclusive, lerem livros toda sexta-feira, comerem pizza ou verem televisão. Aos 10 anos Siobhán começou a esquecer do rosto da mãe. Lembrava-se das mãos, da voz, de algumas palavras que ela dizia; via pela casa objetos que foram dela, mas nenhuma fotografia. Isso deixou a menina mais triste por dentro. Até que um dia, no parque, ela conheceu uma mulher que lhe ajudou a desabafar, que a ouviu, que a ajudou a libertar um pouco da tristeza, e que, por fim, contou-lhe, no ouvido, um segredo, um recado para ser transmitido ao pai da menina. Siobhán voltou para casa, passou a se olhar mais no espelho, começou a perceber em si o retrato da própria mãe; o tempo passou, ela, por sua vez teve uma filhinha e um dia, todo o segredo daquela mulher é revelado.

Uma das coisas que mais chama a atenção no livro é a atmosfera de carinho e afeto que circunda a história. Apesar do tema meio triste, a história é contada de um jeito que a deixa, principalmente bonita, e até com uma certa leveza.

O texto tem uma linguagem bem cotidiana, mas é melódico, direto, sem rodeios e consegue criar uma intimidade com o leitor. Os personagens têm um ligeiro toque de bom humor (apesar de tristes!) e a vida flui tão agradável, que chega a dar vontade de estar nos cenários da história, acompanhando aqueles personagens bem de perto.

O que fica mais forte, pulsando por baixo do texto é um apelo ao diálogo. O diálogo entre as pessoas, o diálogo para aliviar as dores, o diálogo para aproximar, estreitar os laços, para recuperar a felicidade.

As ilustrações são feitas em aquarela e isso contribui muito para a atmosfera da história, para conservar nas imagens um tom poético, afetivo, mágico. Imgens grandes, de páginas inteiras. Mas repare, principalmente, nos olhos dos personagens! Olhos miudinhos!

A ilustradora é escocesa e o escritor é irlandês. Mas também é importante uma tradutora autora, como a deste livro. Uma bela tradução eleva ainda mais o estado de graça de um bom livro!


02/06/2011

Compartilhe

 

Comentários:

Parece realmente um belo livro, Celso, fica a vontade de leitura. Tenho acompanhado com prazer tuas resenhas sobre literatura infantil por aqui, sendo também admiradora de teus livros. Meu filho de 2 anos gosta muito do Que alegria, e eu particularmente da Tininha cereja. Abraços!
Letícia Möller, Porto Alegre/RS 05/06/2011 - 16:36

Envie seu comentário

Preencha os campos abaixo.

Nome :
E-mail :
Cidade/UF:
Mensagem:
Verificação: Repita os caracteres "441510" no campo ao lado.
 
  

 

  Celso Sisto

Celso Sisto é escritor, ilustrador, contador de histórias do grupo Morandubetá (RJ), ator, arte-educador, especialista em literatura infantil e juvenil, pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Mestre em Literatura Brasileira, pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Doutor em Teoria da Literatura, pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC-RS) e crítico literário de várias colunas dedicadas à literatura infantil e juvenil, na mídia impressa e on line.

csisto@hotmail.com
www.celsosisto.com/
twitter.com/celsosisto


Colunas de Celso Sisto:


Os comentários são publicados no portal da forma como foram enviados em respeito
ao usuário, não responsabilizando-se o AG ou o autor pelo teor dos comentários
nem pela sua correção linguística.


Copyright © msmidia.com







Cursos em Porto Alegre

Cursos de Escrita

Cursos para escritores

Confira cursos e oficinas exclusivos feitos especialmente para escritores ou aspirantes a escritores.

Mais informações


Cursos de Escrita

Oficinas literárias

Oficinas de criação literária e escrita criativa em Porto Alegre.

Mais informações

 


Livros em destaque

O Guardião da
Chave Dourada

Airton Ortiz

Fundamentos à prática de revisão de textos

A Fantástica Jornada do Escritor no Brasil

 

compre nossos livros na