artistasgauchos












Desenvolvido por:
msmidia


Santander inaugura exposição que comemora 20 anos do MAC-RS

Foto: Iole de Freitas

O Santander Cultural Porto Alegre, assim como a sua unidade em Recife, traz uma intensa programação de artes visuais para 2012 e consolida sua vocação para a arte contemporânea. A agenda na capital gaúcha abre com O Triunfo do Contemporâneo - 20 Anos do Museu de Arte Contemporânea do Rio Grande do Sul, numa realização conjunta com o MAC-RS. De 6 de março a 22 de abril, 150 obras de 64 artistas da coleção do museu cobrem o grande hall e as galerias térreas numa iniciativa que comemora a trajetória da instituição. O curador da exposição é Gaudêncio Fidelis, fundador e primeiro diretor do museu.

O Triunfo do Contemporâneo apresenta obras por meio de um recorte panorâmico de grande envergadura e teor artístico. A proposta curatorial utiliza estratégias para constituir novas possibilidades de leitura, recepção, interpretação e associações contextuais que mostram de maneira criativa o potencial dos artistas representados na coleção.

Entre as obras selecionadas do acervo do MAC, destacam-se os trabalhos dos artistas: Britto Velho, Carlos Fajardo, Daniel Escobar, Dudi Maia Rosa, Eduardo Haesbaert, Gilda Vogt, Iole de Freitas, Leopoldo Plentz, Lia Menna Barreto, Cibele Vieira, Karin Lambrecht, Fernando Lindote, Marina Camargo, Pablo Lobato, Romanita Disconzi, Tânia Resmini, Sandro Ka, Yuri Firmeza, Mário Röhnelt, Milton Kurtz e Nuno Ramos.

Gaudêncio Fidelis, salienta que “o título faz uma alusão ao domínio da atualidade sobre o terreno da arte e da cultura e sua capacidade de mobilizar sentimentos de inclusão, cosmopolitismo, barreiras culturais, liberdade de expressão e solução de problemas de tradução cultural, que, se postos em contraposição a uma perspectiva historicista, podem propiciar significativas fontes de aprendizado e experiência do mundo”.

O Triunfo do Contemporâneo adota uma estrutura não-cronológica de exibição baseada em um ‘método labiríntico’ de curadoria que privilegia a justaposição entre obras, ao invés de uma disposição linear e cronológica. A exposição traz diferentes procedimentos curatoriais, tais como abdicação da hierarquia entre obras, teor inclusivo e mecanismos museográficos.
André Venzon, diretor do MAC-RS, destaca que “o Santander Cultural renova a oportunidade de olhar, sentir e pensar o Museu, cedendo um lugar de destaque à arte contemporânea brasileira, que é expressivamente representada no Sul do Brasil e agora se conecta a outras regiões do nosso país. O diretor informa que já encaminhou projeto com vistas à futura sede do MAC-RS, pois a atual gestão acredita que só é possível uma sociedade desenvolvida em que a arte contemporânea tenha o seu lugar”.

Já Carlos Trevi, Coordenador Geral das Unidades Culturais do Santander, salienta que “um dos objetivos que o banco alcança com esta iniciativa é a valorização do patrimônio gaúcho. Por meio de diferentes referências, estágios e vertentes, é hora de virar os holofotes para os museus e para produção artística brasileira contemporânea”.

As iniciativas estão relacionadas à crença do banco na criatividade como fonte de desenvolvimento econômico sustentável. Mais do que isso, valoriza o potencial artístico brasileiro para fortalecer as economias locais e inseri-las no universo macroeconômico. Assim, busca incentivar diferentes setores da cultura e gerar pólos de inovação.

Como todas as exposições do Santander Cultural, O Triunfo do Contemporâneo - 20 Anos do Museu de Arte Contemporânea do Rio Grande do Sul será acompanhada por um programa de ação educativa e atividades simultâneas.

A iniciativa tem o patrocínio do Ministério da Cultura e Santander, por meio da Lei de Incentivo à Cultura. A realização da mostra é do Santander Cultural em parceria com o MAC.

Fundamentação teórica
Fundado em 18 de março de 1992, o Museu de Arte Contemporânea do Rio Grande do Sul – MAC- RS(Rua dos Andradas, 736 - 6° andar da Casa de Cultura Mario Quintana), completa em 2012, 20 anos. Com uma trajetória pioneira de exposições de grande envergadura e larga penetração na opinião pública, o MAC-RS trouxe à visibilidade a obra de artistas contemporâneos em um contexto ainda provinciano do início dos anos de 1990 no Rio Grande do Sul.
O MAC colaborou para formar um contexto que possibilitou a consolidação de um terreno fértil para que várias iniciativas que foram criadas a partir de condições favoráveis a veiculação da produção artística recente tais como a Bienal do Mercosul, a Fundação Iberê Camargo, a Fundação Vera Chaves Barcelos e o próprio Santander Cultural. Algumas de suas pioneiras exposições introduziram pela primeira vez no contexto local um grau significativo de profissionalização através de procedimentos curatoriais em exposições que hoje se mostram historicamente relevantes tais como O Corpo e Obra (1992), Desenho Sul Contemporâneo (1992), 360° Graus de Pintura Agora (1992), O Espírito Pop (1993), A Matéria do Desenho (1993), Dilemas da Matéria (2000), Associações Livres -Ler é Acreditar (2007), A Medida do Gesto (2011), entre dezenas de outras.

Ao longo destes anos o museu consolidou um considerável grau de estima junto à comunidade artística local e nacional e sua presença no imaginário social é consideravelmente forte para um museu ainda jovem. Seu acervo possui obras representativas de artistas de prestígio nacional e internacional como Carlos Fajardo, Dudi Maia Rosa, Iole de Freitas, KarinLambrecht, Nuno Ramos, Vera Chaves, entre outros.

Foto: obra Lia Menna Barreto

O Triunfo do Contemporâneo terá obras dos seguintes artistas:

1. Alberto Bitar
(Belém/PA, 1970 - Vive e trabalha em Belém/PA)

2. Alexandre Antunes
(Porto Alegre/RS, 1961 - Vive e trabalha em Porto Alegre/RS)

3. Alexandre Sequeira
(Belém/PA, 1961 - Vive e trabalha em Belém/PA)

4. Ana Cristina da Natividade
(Porto Alegre/RS, 1965 - Vive e trabalha em Viamão/RS)

5. Armando Queiroz
(Belém/PA, 1968 - Vive e trabalha em Belém/PA)

6. Britto Velho
(Porto Alegre/RS, 1946 - Vive e trabalha em Porto Alegre/RS)

7. Carlos Asp
(Porto Alegre/RS, 1949 - Vive e trabalha em Florianópolis/SC)

8. Carlos Fajardo
(São Paulo/SP, 1941 - Vive e trabalha em São Paulo/SP)

9. Carlos Kraus
(Porto Alegre/RS, 1958 - Vive e trabalha em Porto Alegre/RS)

10. Cibele Vieira
(Porto Alegre, 1973 - Vive e trabalha em Nova York, Estados Unidos)

11. Daniel Acosta
(Rio Grande/RS, 1965 - Vive e trabalha em Pelotas/RS)

12. Daniel Escobar
(Santo Ângelo/RS, 1982 - Vive e trabalha em Belo Horizonte/MG)

13. Danielle Fonseca
(Belém/PA, 1975 - Vive e trabalha em Belém/PA)

14. Didonet Thomaz
(Bento Gonçalves/RS, 1950 - Vive e trabalha em Curitiba/PR)

15. Dudi Maia Rosa
(São Paulo/SP, 1946 - Vive e trabalha em São Paulo/SP)

16. Éder Oliveira
(Nova Timboteua/PA, 1983 - Vive e trabalha em Belém/PA)

17. Edmilson Vasconcelos
(Pelotas/RS, 1961 - Vive e trabalha em Florianópolis/SC)

18. Eduardo Haesbaert
(Faxinal do Soturno/RS, 1968 - Vive e trabalha em Porto Alegre/RS)

19. Elaine Tedesco
(Porto Alegre/RS, 1963 - Vive e trabalha em Porto Alegre/RS)

20. Felix Bressan
(Caxias do Sul/RS, 1964 - Vive e trabalha em Porto Alegre/RS)

21. Fernando Lindote
(Santana do Livramento/RS, 1960 - Vive e trabalha em Florianópolis/SC)

22. Frantz
(Rio Pardo/RS, 1963 - Vive e trabalha em Porto Alegre/RS)

23. Gelson Radaeli
(Nova Bréscia/RS, 1960 - Vive e trabalha em Porto Alegre/RS)

24. Gilda Vogt
(Rio de Janeiro/RJ, 1953 - Vive e trabalha em São Paulo/SP)

25. Gisela Waetge
(São Paulo/SP, 1955 - Vive e trabalha em Porto Alegre/RS)

26. Heloisa Crocco
(Porto Alegre, RS, 1949 - Vive e trabalha em Porto Alegre/RS)

27. Iole de Freitas
(Belo Horizonte/MG, 1955 - Vive e trabalha no Rio de Janeiro/RJ)

28. José Francisco Alves
(Sananduva/RS, 1964 - Vive e trabalha em Porto Alegre/RS)

29. José Luiz Pellegrin
(Morro da Fumaça/SC, 1953 - Vive e trabalha em Pelotas/RS)

30. Karin Lambrecht
(Porto Alegre/RS, 1957 - Vive e trabalha em Porto Alegre/RS)

31. Keyla Sobral
(Belém/PA, 1975 - Vive e trabalha em Belém/PA)

32. Lenir de Miranda
(Pedro Osório/RS, 1945 - Vive e Trabalha em Pelotas /RS)

33. Leopoldo Plentz
(Porto Alegre/RS, 1952 - Vive e trabalha em Porto Alegre/RS)

34. Lia Menna Barreto
(Rio do Janeiro/RJ, 1957 - Vive e trabalha em Eldorado do Sul/RS)

35. Luciana Magno
(Belém/PA, 1987 - Vive e trabalha em Belém/PA)

36. Marco Giannotti
(São Paulo/SP, 1966 - Vive e trabalha em São Paulo/SP)

37. Maria Lídia Magliani
(Pelotas/RS, 1946 - Vive e trabalha no Rio de Janeiro/RJ)

38. Maria Lúcia Cattani
(Garibaldi/RS, 1958 - Vive e trabalha em Porto Alegre/RS)

39. Marina Camargo
(Maceió/AL, 1980 - Vive e trabalha em Porto Alegre/RS)

40. Mário Röhnelt
(Pelotas/RS, 1950 - Vive e trabalha em Porto Alegre/RS)

41. Marlies Ritter
(Porto Alegre/RS, 1941 - Vive e trabalha em Porto Alegre/RS)

42. Mayana Redin
(Campinas/SP, 1984 - Vive e trabalha no Rio de Janeiro/RJ e em Porto Alegre/RS)

43. Melissa Barbery
(Belém/PA, 1977 - Vive e trabalha em Belém/PA)

44. Michael Chapman
(Caversham, Escócia, 1948 - Vive e trabalha em Rio Grande/RS)

45. Milton Kurtz
(Santa Maria/RS, 1951 - Porto Alegre/RS, 1996)

46. Nuno Ramos
(São Paulo/SP, 1960 - Vive e trabalha em São Paulo/SP)

47. Orlando Maneschy
(Belém/PA, 1968 - Vive e trabalha em Belém/PA)

48. Pablo Lobato
(Bom Despacho/MG, 1976 - Vive e trabalha em Belo Horizonte/MG)

49. Patrício Farias
(Arica, Chile, 1940 - Vive e trabalha em Viamão/RS)

50. Patrick Pardini
(Niterói/RJ, 1953 - Vive e trabalha em Belém/PA)

51. Paula Sampaio
(Belo Horizonte/MG, 1965 - Vive e trabalha em Belém/PA)

52. Plínio Bernhardt
(Cachoeira do Sul/RS, 1927 - Porto Alegre/RS, 2004)

53. Rafael Pagatini
(Caxias do Sul/RS, 1985 - Vive e trabalha em Porto Alegre/RS)

54. Renato Coelho
(Pelotas/RS, 1961 - Vive e trabalha em Pelotas/RS)

55. Roberto Schmitt-Prym
(Panambi/RS, 1956 - Vive e trabalha em Porto Alegre/RS)

56. Romanita Disconzi
(Santiago/RS, 1940 - Vive e trabalha em Porto Alegre/RS e Viamão/RS)

57. Sandro Ka
(Porto Alegre/RS, 1981 - Vive e trabalha em Porto Alegre/RS)

58. Tânia Resmini
(Santana do Livramento/RS, 1953 - Vive e trabalha em Porto Alegre/RS)

59. Téti Waldraff
(Santa Cruz do Sul/RS, 1959 - Vive e trabalha em Porto Alegre/RS)

60. Tony Camargo
(Paula Freitas/PR, 1979 - Vive e trabalha em Curitiba/PR)

61. Vera Chaves
(Porto Alegre/RS, 1938 - Vive e trabalha em Viamão/ RS)

62. Victor De La Rocque
(Belém/PA, 1985 - Vive e trabalha em Belém/PA)

63. Wilson Cavalcante
(Pelotas/RS, 1950 - Vive e trabalha em Porto Alegre/RS)

64. Yuri Firmeza
(São Paulo/SP, 1982 - Vive e trabalha em São Paulo/SP e em Fortaleza/CE)


O Triunfo do Contemporâneo
20 Anos do Museu de Arte Contemporânea do Rio Grande do Sul

De 7 de março a22 de abril de 2012 – 6 de março abertura para convidados

Santander Cultural
Rua Sete de Setembro, 1028 Centro Histórico
Porto Alegre RS Brasil 90010-191
Telefone: 51 3287.5500
scultura@santander.com.br
www.santandercultural.com.br

Horários de funcionamento
ter a sex, das 10h00 às 19h00
sab, dom e feriados, das 11h00 às 19h00

Curadoria Gaudêncio Fidelis
Produção Imago Escritório de Arte Ltda
Realização Santander Cultural
Patrocínio Santander

 

Mais informações sobre Beatriz Heydes de Macedo

 

A presença de Beatriz Heydes de Macedo no portal é um oferecimento de:

Copyright © msmidia.com







Cursos em Porto Alegre

Cursos de Escrita

Cursos para escritores

Confira cursos e oficinas exclusivos feitos especialmente para escritores ou aspirantes a escritores.

Mais informações


Cursos de Escrita

Oficinas literárias

Oficinas de criação literária e escrita criativa em Porto Alegre.

Mais informações

 


Livros em destaque

O Guardião da
Chave Dourada

Airton Ortiz

Fundamentos à prática de revisão de textos

A Fantástica Jornada do Escritor no Brasil

 

compre nossos livros na