Resenhas

Histórias Não Contadas nos Almoços de Domingo

Sinara Foss


Quando peguei o livro nas mãos, já gostei da capa. A ilustração, o recorte de um dia de domingo com familiares, amigos, e no meio um cachorro. A ele oferecem não um pedaço de carne, mas um caulezinho de brócolis.

O livro é composto por 25 pequenos contos, uns narrados em primeira, outros em terceira pessoa. Perfeitos para serem lidos, em pequenos espaços de tempo, entre uma aula e outra, no consultório à espera do medico ou dentista, aguardando o Uber ou mesmo naquele restinho de dia quando já na cama, chamamos o sono pra levar embora nosso cansaço.

O autor, um jovem advogado, Filipe Smidt Nunes cuja sensibilidade e talento se alastra como fogo em palha seca por entre as palavras muito bem escolhidas, formando frases cheias de conteúdo e significado. A Editora, a Metamorfose, uma empresa nova no mercado que já vem se destacando pela qualidade das obras que edita.

Essas histórias não contadas nos dias de domingo vão fazer você sentir na pele o frio de outros corpos, vão fazer você vivenciar a realidade sob a perspectiva de outros seres cujos interesses e pontos de vista pouca gente percebe.

Neste livro reluz o conto que em minha opinião é um dos mais belos da literatura brasileira: Mãe. Sem diminuir a relevância dos outros, esse conto em especial, me fez fechar o livro, num susto, olhar para o alto e suspirar. Comovida e, por que não dizer, assustada pela força da narrativa, caminhei pela casa, olhei a rua, as árvores, brinquei com meus cães e gatos e voltei à poltrona para ler os outros que igualmente, surpreendem e encantam.

Super recomendo essa leitura!


Cadastre-se para receber dicas, artigos e informações de concursos

 

 

Comentários:

Envie seu comentário

Nome :
E-mail :
Cidade/UF:
Mensagem:
Verificação:
Repita os caracteres "352605" no campo.